Mostrando postagens com marcador Ong. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Ong. Mostrar todas as postagens

15 dezembro, 2013

Plano Municipal de Habitação é finalizado

Na próxima semana, o Plano Municipal de Habitação de Interesse Social de Poá será oficialmente finalizado. Após atraso de mais de dois anos, a empresa Méritos Consultoria e Assessoria entrega o documento que balizará o planejamento do setor para os próximos 15 anos na cidade.

O Plano foi elaborado em três fases: Proposta Mercadológica; Diagnóstico Habitacional e; Plano de ação. O documento atende ainda uma exigência do Governo Federal para liberação de verba. Nas proposta devem constar a forma de atuação do executivo na reurbanização de áreas degradas, requalificação e adequação de moradias e regularização de loteamento, além de apresentar o déficit habitacional.

O projeto sofreu considerável atraso após contratação inicial de empresa inapropriada para elaboração do plano. Imediatamente, o conselheiro de habitação Leandro de Jesus apontou falhas no processo licitatório e na condução da primeira parte do plano, mas a empresa continuou.

Com a ineficácia na condução do trabalho, a empresa rescindiu o contrato e, portanto, somente agora foi finalizado e será entregue à Caixa Econômica Federal, agente financeiro do projeto que obteve recursos do Governo Federal.

A cidade conhecerá o plano somente em 2014. De acordo com Saul Souza, Secretário de Habitação, "a prefeitura deve realizar audiência pública no início do próximo ano para divulgação completa do plano".

Denúncias

Souza informou ainda que os conselheiros de habitação montaram uma comissão para averiguar denúncias de que uma ONG, gerida por um de seus conselheiros, estaria cobrando taxas e enganando seus associados com falsas promessas sobre a destinação privilegiada de imóveis do Programa Minha Casa Minha Vida.

Sobre o assunto, a prefeitura emitiu nota. Veja aqui.

O caso merece séria apuração e se houver realmente indícios de crime, deve ser denunciado a polícia e ao Ministério Público para a devida investigação criminal.

Por Leandro de Jesus

17 outubro, 2013

Lar Mãe Mariana recebe ação social no dia 19

O Lar Mãe Mariana, em Poá, recebe no próximo dia 19 as atividades do Mackenzie Voluntário. O evento servirá para arrecadação de doações e promover uma tarde de entretenimento aos idosos internados na instituição.

A ação, realizada anualmente pela Universidade Mackenzie, está em sua 10ª edição e tem como objetivo organizar diversas ações de cidadania, solidariedade, responsabilidade social e ambiental, em entidades sociais, comunidades carentes, na sociedade em geral.

As atividades no Lar Mãe Mariana servirão para arrecadação de doações de fraudas e promover uma tarde de entretenimento com música, almoço e recreação.

O Lar Mãe Mariana tem longa atuação de assistência no município. Neste mês de outubro, a instituição completa 40 anos de atividades prestando assistência social, moral e espiritual a mais de 40 idosos carentes.

Qualquer pessoa com vontade de ajudar, inclusive crianças, pode ser voluntário nas atividades, independente se faz ou não parte do Mackenzie,.

Os voluntários terão direito a certificado de participação. Mais informações sobre o "Projeto Servo" podem ser obtidas no site do projeto http://www.mackenzie.br/mackenzievoluntario.html ou com Ana Clélia, responsável pelas atividades em Poá (ana.teo.mack@hotmail.com).

As doações de fraudas geriátricas tamanho G poderão ser entregues no local. O evento será realizado no sábado, dia 19, a partir das 13h. A instituição se localiza na Rua Monte Castelo 116, Bairro Biritiba, Poá.

06 julho, 2013

ONG Aldeias Infantis SOS Brasil precisa de professores voluntários

A Organização não-governamental Aldeias Infantis SOS Brasil divulgou comunicado informando da necessidade de professores voluntários. Esses profissionais podem ser formados ou estudantes a partir do sexto semestre das áreas de letras (língua portuguesa e inglesa) e matemática. Os interessados podem enviar currículo para o e-mail: aline.pereira@aldeiasinfantis.org.br

Aldeias Infantis
Trata-se de uma Organização sem fins lucrativos, de promoção ao desenvolvimento social que trabalha desde 1949, na defesa, garantia e promoção dos direitos de crianças, adolescentes e jovens. O trabalho conta com o apoio financeiro de pessoas físicas que contribuem com um valor mensal, e por parcerias com empresas, que financiam projetos e convênios com o Poder Público. Além do apoio financeiro, a Organização conta com a divulgação de embaixadores internacionais e nacionais.

A obra surgiu com o educador Hermann Gmeiner, em Imst, Áustria, com o objetivo inicial de acolher crianças órfãs, vítimas da II Guerra Mundial. Com o passar do tempo o campo de atuação foi ampliado, com programas para famílias, comunidades, defesa de direitos e ações voltadas à saúde e nutrição, centros educacionais e promoção de direitos das mulheres, além do auxilio em emergências. Atualmente, em 134 países e territórios, são crianças em situação de vulnerabilidade social, que perderam ou estão prestes a perder os cuidados de suas famílias.

No Brasil, os serviços são desenvolvidos em 18 programas presentes em 12 estados brasileiros e no Distrito Federal. No Estado de São Paulo há 4 unidades em Poá, São Bernardo do Campo, Rio Bonito (Interlagos) e Campinas.

No acolhimento institucional, cada núcleo familiar é composto por até nove crianças, irmãos biológicos ou não, de diferentes idades e de ambos os sexos que ficam sob o cuidado de uma mãe social (cuidadora residente). Cada núcleo familiar possui suas próprias características, ritmo e rotina. No núcleo familiar estimula-se a convivência na comunidade, compartilhando responsabilidades, trabalhando conflitos e limites da vida cotidiana, na perspectiva de um desenvolvimento integral. Os núcleos familiares estão inseridos no meio comunitário, onde crianças, adolescentes e jovens têm a oportunidade de participar ativamente da realidade local.

Mais informações podem ser obtidas no site da Instituição.

Clique e confira as promoções