FUNDAMENTALISMO MILITANTE

.
No último domingo, dia 28, pudemos mais uma vez comprovar até onde vai o fanatismo religioso, digo, de militante políticos. Jornalistas foram agredidos gratuitamente por militantes petistas que acompanharam a votação do ex-deputado Jose Genoíno.

Cabe, no entanto, uma observação. O ato de votar, secreto por natureza, particular, não tem de ser um ato público. Inclusive, não vejo interesse jornalístico de tais fatos, embora nossa mídia reitera a enfadonha cobertura. Fora isso, alguns profissionais que lá estavam se travestem de jornalistas quando no máximo tentam ser comediantes. Porém, nada justifica a brutalidade dos fanáticos.

As autoridades tem o dever de identificar os militantes e tomar as devidas providências, assim como deveria fazer o Partido dos Trabalhadores (PT), antes que vire rotina







Por Leandro de Jesus

0 comentários:

Publ01