ELEIÇÃO DE CONSELHO TEVE EXPRESSIVA PARTICIPAÇÃO

.
No último dia 20, houve eleição com voto direto, e sem obrigatoriedade, para conselheiros tutelar na cidade de Poá. A expressiva participação popular no pleito deve servir de exemplo para que todos os conselhos locais tenham o mesmo sistema de votação.

De acordo com a contagem oficial, 4.094 eleitores participaram do processo e puderem escolher entre os 33 candidatos. Foram eleitos em 1º lugar, Sonia Maria Barco da Silva, com 388 votos; 2º Claudete Luiza dos Santos, 341 votos; 3º Augusto Donizete Barbosa, 258 votos; 4º Clayton Elias Belchior, 251 votos e 5º Raimunda Ivanilda Silva dos Santos, 197 votos. O suplentes serão José Cano Heredia Neto, Márcio da Silva Jair, Marlene Aparecida Requim, Patrícia Pereira de Lima e Danilo Ferreira Damasceno.

Em janeiro deste ano também já houvera eleição direta para o Conselho da Saúde, processo no qual compareceram quase 500 pessoas.

Em um país no qual há pouca participação popular em decisões públicas, é exemplar essas primeiras eleições diretas. Quanto mais houver esse tipo de evento, assim como audiências públicas, mais a população se acostumará a opinar sobre assuntos vitais da cidadania.

Para que haja popular, é necessário oportunidades. O primeiro passo foi dado e a expectativa é de aumento na quantidade de pessoas participantes.

Diante disso, é importante que os poderes legislativo e executivo movam-se no sentido de alterar leis, se necessário, para que todos os conselhos no município possam ter eleições diretas, o meio mais transparente de eleição.

Por Leandro de Jesus

0 comentários:

Clique e confira as promoções

Publ01