TRECHO LESTE DO RODOANEL AMEAÇA MAIS DE 10 ESPÉCIES DE AVES EM EXTINÇÃO

.

Lista de aves em extinção ameaçadas pelo Rodoanel pode ser ainda maior, pois o estudo de fauna durou apenas 10 meses

Aves inclusas na lista de extinção do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais (IBAMA) estão sendo ameaçadas pelo traçado das obras de construção do Trecho Leste do Rodoanel.

De acordo com o Estudo e Relatório de Impacto Ambiental (EIA/Rima), apresentado pelo Desenvolvimento Rodoviário SA (DERSA), foram detectadas em campo, na área do traçado do Trecho Leste, dez espécies de aves em extinção.

De acordo com o presidente do Instituto Brasileiro de Proteção Ambiental – PROAM, Carlos Bocuhy, o número de aves localizadas nestas áreas e, que constam na lista de animais ameaçados de desaparecer da fauna brasileira, pode ser ainda maior, pois os estudos encontraram, além das dez espécies em campo, outras 12 que foram consideradas como ocorrência provável a partir de dados secundários.
“O estudo de fauna das regiões que contemplam o traçado do Trecho Leste do Rodoanel foi realizado apenas durante dez meses, neste período aves migratórias podem ter sido excluídas da lista de animais encontrados”, esclareceu Bocuhy.

O ambientalista informou que, além das 22 espécies supracitadas, mais oito espécies de aves em extinção podem ser encontradas nas regiões das obras do Rodoanel.
“Existe a possibilidade de encontrarmos mais quatro espécies de aves pelo traçado do Rodoanel, devido ao bioma. E, mais quatro nas áreas próximas da Represa Billings”, explicou.

Bocuhy detalhou que as aves que estão na lista de animais em extinção e que foram encontradas no traçado do Techo Leste do Rodoanel são: Pavó, Jacuaçu, Gavião-pega-macaco, Papagaio-verdadeiro, Pica-pau-dourado, Macuquinho, Araponga, Tico-tico-do-banhado, Pixoxó e Carretão.

Já as aves que não foram catalogadas pelo EIA/Rima da DERSA e, possivelmente, podem ser encontradas nas regiões do traçado são: Maçarido-pintado, Gavião-pombo-pequeno, Sabiá-cica e Cigarra-verdadeira. Entre as espécies que podem ser encontradas da várzea do Tietê e Billings estão: Garça-real, Gavião-asa-de-telha, Carqueja-de-bico-manchado e Maçarico-do-campo.

Fonte: http://www.proam.org.br

1 comentários:

Anônimo disse...

Pois é... Quem vai tomar uma atitude?

Clique e confira as promoções

Publ01