ANTENADO

.
Autorizados desde 1995, os cartões corporativos do governo federal foram instituídos em 2001, ainda na gestão do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, e entraram em funcionamento no primeiro ano da administração Lula. O objetivo era dar mais transparência e eficiência aos gastos em substituição às contas "tipo B", pelas quais o servidor recebia dinheiro e depois comprovava os gastos. O objetivo é que os cartões fossem usados para gastos emergenciais e essenciais. Entretanto, o que se tem verificado é o desvio de funções nesse uso. Há denúncias de que esse meio de pagamento foi utilizado para pagamento de diárias indevidas, como gastos com pessoas que não estavam em comitiva oficial e em dias que o servidor sequer estava hospedado. Até bebidas alcoólicas foram compradas com o cartão. Extratos de gastos com cartões corporativos como estes estão disponíveis no Portal da Transparência do governo federal com livre acesso para todos os cidadãos. O endereço é www.portaldatransparencia.gov.br.

9 comentários:

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...

Witam doszedlem do wniosku ze ta strona jest najlepsza jezeli chodzi o [url=http://www.youtube.com/user/kredytstudencki]kredyt studencki[/url].

http://identi.ca/kredytstudencki

Anônimo disse...

[url=http://studencki-kredyt.pl/blona-dziewicza.html]Blona dziewicza[/url]

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.

Publ01