24 novembro, 2007

AUTORITARISMO

Por Professor Carlos Datovo
O PREFEITO MUNICIPAL DE POÁ DESRESPEITA A POPULAÇÃO COM O SEU AUTORITARISMO.

Como se não bastasse o desrespeito à população com obras desnecessárias, que foram e estão sendo feitas na nossa cidade, o prefeito Roberto Marques criou novas secretarias, locais que serão mais um campo para abrigar cargos comissionados. Apesar de já haverem mais de 200 nesta situação. Além disso, o Prefeito Roberto Marques vem desrespeitando os pedestres que transitam pela Av. Nove de Julho, no trecho entra a Praça da Bíblia e a Rua Hemogenes La Regina, onde está sendo reformado o piso das calçadas.
O pedestre corre o risco de ser acidentado nesse trecho, pois é obrigado a transitar no leito da avenida porque o espaço da calçada está totalmente intransitável e nem prefeitura e a empresa que presta o serviço preocuparam-se em instalar uma passarela no local para que os pedestres sejam protegidos da intolerância de alguns motoristas que passam por lá.
Talvez isso esteja acontecendo porque por ali não passam familiares desses que hoje estão no comando da nossa CIDADE.

23 novembro, 2007

PADARIA CHIPS


21 novembro, 2007

COINCIDÊNCIAS

Por Saulo Souza
Poá transformou-se numa cidade de coincidências. Temos fama de ser estância turística (?), a cidade da água mineral e a de Padre Eustáquio. Agora, somos a Cidade das Coincidências. Vejam só: CHEFE DE ALMOXARIFADO da Câmara é doador de campanha de vereador, DONO DE JORNAL tem empresa de informática que presta serviços à Câmara, ESPOSA DE VEREADOR é chefe de Gabinete da Presidência. Não é uma coincidência? E, por coincidência, vereadores são eleitos “gastando” apenas R$ 200,00 (isso mesmo, duzentos reais) - gostaria de saber em qual gráfica a tiragem de “santinhos” é tão barata.

Coincidência ainda é constatar que a empresa que fornece MERENDA ESCOLAR na cidade é o MACKTUB de Mogi das Cruzes, uma das empresas patrocinadoras da campanha do Sr. Roberto Marques. Coincidência não? E a criação da GUARDA MUNICIPAL que visa garantir segurança aos munícipes, mesmo argumento usado para instalação de câmaras de segurança que estão todas desativadas, também é outra coincidência. Sem contar dos semáforos que teve show e fogos na inauguração e que não tem nenhum funcionando.

Outra coincidência poaense é o fato de alegarem falta de dinheiro público para a criação da MATERNIDADE e logo depois aprovarem o desmembramento de secretaria e a criação de outra com custo de R$ 500 milhões. Sem contar que certo dia desses queimaram bastantes fogos pela inauguração da maternidade, inclusive com presença de toda imprensa, agora não entendo entrevista de Secretário que diz desejar a realização da inauguração para o ano que vem... Coincidência.

Outro Secretário informou que uma das bombas de drenagem da passagem subterrânea no centro da cidade estava queimada e foi consertada e que as duas bombas logo estariam funcionando normalmente. Chegaram as chuvas e o que se viu foram pedestres equilibrando-se em pedras para alcançar o outro lado do “rio”. Outra coincidência é o fato das quase cinco mil pessoas que prestaram concurso público no ano passado – organizadora vunesp – passado mais de um ano, mesmo os primeiros colocados ainda não foram convocados, pois seus cargos encontram-se ocupados por contratados.

E tem também... Ah, quer saber? Essas coincidências acabam com a gente. Uma coincidência é algo absolutamente normal e curioso. É definida como ato ou efeito de coincidir. Como a realização simultânea de dois ou mais acontecimentos. Duas coincidências são mais raras, mas costumam acontecer. Três coincidências deixam a gente em alerta. Quatro, tem cheiro de sacanagem... Mas quando tudo é coincidência, não há mais dúvidas: estamos lidando com... coindecências. Poá transformou-se na Cidade das Co-in-de-cên-cias.

20 novembro, 2007

NOTÍCIAS 3

Por Leandro de Jesus
Jornais da região

Os jornais semanários da cidade de Poá prezam pela falta de qualidade e pela parcialidade em relação aos atos da administração municipal. Não se pode confiar na isenção de jornais que financiam campanhas dos atuais eleitos na cidade (Notícias de Poá e Novo Milênio são alguns que doam dinheiro em eleições).

Além disso, a qualidade técnica das matérias é terrível. Muitas vezes não se preocupam em fazer correção gramatical. Não se preocupam em fazer reportagem, com personagens e um contexto. Apenas repassam uma informação. E o pior, na maioria das vezes, a incompetência ou a falta de vontade, não permitem reescrever um texto da assessoria da administração municipal. Vejam que muitos textos são cópias do material distribuído pela prefeitura.

Chega um novo jornal na região, O Semanão. Torcemos para que não siga os péssimos exemplos dos já existentes. Torcemos para que o jornalista responsável, que também o é em “O Novo São Paulo”, aja como manda o bom jornalismo.

Restaurante Popular

Ferraz de Vasconcelos inaugurou um Restaurante Popular. Ótima ação social promovida pela administração municipal daquela cidade. Quem sabe, durante as reuniões da AMAT (Associação dos Municípios do Alto Tietê), o prefeito Roberto Marques peça orientação ao prefeito vizinho como elaborar este tipo de política social.

Área ocupada


Os ocupantes de um terreno invadido no Jardim São José agonizam por uma solução e por um direito que a constituição lhes outorga. Vão à prefeitura, vão à Câmara Municipal, mas os políticos da cidade, insensíveis como sempre, não se movem o suficiente para solucionar este problema social.

E ainda querem tirar o deles da reta. O presidente da Câmara disse que é preciso cobrar ajuda do governo federal e estadual. Quanta insensibilidade numa causa urgente!

Orkut

Saibam futuros candidatos que fazem campanha no orkut: não está no prazo e este tipo de propaganda é ilegal.

06 novembro, 2007

NOTÍCIAS 2

Por Leandro de Jesus
“O prefeito Roberto Marques vai realizar a 1ª Festa Nordestina em Poá. O evento será nos dias 23, 24 e 25 de novembro, na Praça de Eventos e começa todos os dias a partir das 18 horas. A festa vai contar com comidas típicas, shows com artistas vindos diretamente do Nordeste, com nomes consagrados da música nordestina”

Erro 1: A constituição rege publicidade nos atos municipais, no entanto, ela prega que seja dado menção à prefeitura, não à pessoa do governante. Sr. prefeito, dessa forma que está divulgando os atos, o sr. poderá levar um processo administrativo. Ou será que o sr. não conhece a constituição?

Erro 2: Nada contra os nordestinos, os quais fizeram parte da construção de nosso Estado, mas, o que Poá tem de cultura nordestina para que se faça uma festa deste gênero? Se virar moda, deve-se-ia fazer festa para libaneses e coreanos, os quais têm grande presença na cidade.

Esta festa é mais uma para tirar dinheiro dos cofres públicos, inclusive com shows de baixa qualidade, e praticar mais uma vez a “política de pão e circo”.


O sítio – www.poa.sp.gov.br - da cidade trata a respeito da participação da cidade nos Jogos Abertos. Mais balela. Esta cidade não investe no esporte, ainda que ele seja um importante instrumento no processo da cidadania.
As poucas quadras existentes na cidade estão em estado precário. O ginásio municipal de esportes sempre foi conhecido pelas goteiras na quadra, quando chove. Este fato atrapalha inclusive jogos das equipes da cidade. As quadras externas do ginásio são de cimento puro e, apesar disso, serve de treino para modalidades esportivas das equipes poaenses. Não há investimento, não há consideração, não há respeito pelo esporte na cidade.


Censo de Poá. O total de Poá, que foi homologado pelo IBGE, apontou uma população de 105.285 habitantes. Mais de 100 mil pessoas desiludidas com o circo que está instalado na cidade.


Poá terá Samu a partir de novembro
A cidade de Poá contará com o Serviço de Atendimento Médico de Urgência, Samu, a partir do próximo dia 7 de novembro, quando será inaugurado o serviço em uma cerimônia às 15h30, na sede do Samu, na Avenida Mário Covas, s/nº, em Suzano. O projeto, em parceria com a Prefeitura de Suzano, vai disponibilizar uma ambulância que atenderá os dois municípios.

NOTÍCIAS 1

Por Leandro de Jesus

Buracos nas ruas

Sr. prefeito. Será que é verdade que não mora mais aqui em Poá? Pois, há tanto buraco nas ruas que penso se andas nelas de vez em quando.

Conselhos Municipais

Por que será que o sítio da cidade só publica os resultados das eleições para os membros e não publica que haverá eleição?


Secretarias Municipais

Poá mais uma vez distribui recursos públicos, sem nenhum critério decente e moral. Para que desmembrar a Secretaria de Esportes, Cultura e Turismo?

Veja: Poá não investe no esporte; Poá tem um museu e um centro cultural ridículos, pois quem os projetaram não entende de cultura; A cidade não tem capacidade mínima de arcar projetos e roteiros turísticos e nem tem pessoas na administração com conhecimento do setor.

Então, para que criar estas secretarias? Será que é para dar mais cargos comissionados? É a única justificativa para tal ato.

Cargos comissionados

Por que Poá não aprova uma lei como Ferraz está fazendo, no sentido de limitar a contratação dessa forma. Será que é porque os vereadores se beneficiam destes atos?

Clique e confira as promoções

Publ01