NARIZ DE PALHAÇO

.
Ontem compareci as inaugurações da nova Câmara DOS Vereadores, da Praça da Bíblia, do tal centro Cultural Taiguara e da Rua José Calil. Um projeto do Executivo, com total apoio da câmara, que consumiu desesperados 4,5 milhões de reais dos cofres públicos para consolidar um sonho da Família Marques – segundo as palavras do próprio prefeito Roberto Marques. Estavam lá a “multidão” de membros do executivo e legislativo, funcionários e afins da prefeitura, todos muito sorridentes e alegres, e de certo modo incomodados com o meu nariz de palhaço. Pela minha cabeça passavam pensamentos e sonhos da família poaense enquanto assistia com direito a extravagante queima de fogos a realização do sonho (não da família poaense) mas da Família Marques. Confesso: senti-me pequeno, por um momento desesperançado. Vi a felicidade de alguns em detrimento de toda coletividade. Meu Deus! Os espertos se multiplicam e os puros jazem no ostracismo; os soberbos e arrogantes prosperam de mãos dadas com aqueles que pensam em seus próprios prazeres, e os humildes e honestos continuam uma minoria impotente. Senti-me intimidado, mas prossegui. Como um sorriso espontâneo a esperança brotou, pois esperança não é lutar porque vai dar certo, mas porque vale a pena. Tenho esperança, sem saber bem ao certo como será o amanhã ou se essa forma de protesto significou alguma coisa para os presentes ontem. Só estou certo de que vale a pena lutar pelo amanhã e que quero ser no mundo aquilo que gostaria de ver no mundo.

1 comentários:

Anônimo disse...

Sim, provavelmente por isso e

Clique e confira as promoções

Publ01